Festival Folclórico do CDA é sucesso na primeira noite de apresentações

 

Um momento de oração em a honra a São José marcou o início da primeira noite do 46º Festival Folclórico do Dom Amando, nesta quarta-feira, 22 de agosto, Dia Internacional do Folclore. O evento que faz parte do calendário de eventos da EMBRATUR tem, neste ano, o tema “Colégio Dom Amando – 75 anos no imaginário amazônico”. Durante 04 noites, 30 danças vão se apresentar na quadra central da escola envolvendo os professores e alunos da Educação Infantil, Ensino Fundamental I e II, e Ensino Médio.

Logo após a oração e abertura oficial feita pelo diretor, professor Handerson Bentes, na coreografia de abertura os alunos fizeram um resgate da história dos CDA que, em março de 2018, completou 75 anos de contribuição com o desenvolvimento do oeste paraense. Sob a coordenação das professoras Naty Sena e Nalme Vianna, eles apresentaram o Dom Amando desde quando ainda era um hospital e passou a educandário. Nas próximas noites do evento, haverá a continuidade da história até chegar nos dias atuais.

As barracas temáticas que falam das comunidades e cidades pesquisadas pelos alunos e professores desde o primeiro semestre também atraíram um grande público. As reproduções das moradias de cada lugar visitado estão sendo avaliadas e deve ser escolhido projeto vencedor do Concurso de Barracas que acontece todos os anos durante o Festival Folclórico.

Ciranda de roda, Pisa Pilão, Dança do Tipiti, Dança do Tacacá, Siriri e Carimbó foram algumas das danças apresentadas na primeira noite. Nesta quinta (23), as apresentações continuam a partir das 19h.